sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Calorias ou nutrientes?

Hoje em dia é muito comum encontrar pessoas nos supermercados olhando os rótulos dos alimentos. Mas o que será que as pessoas se preocupam em olhar?? Calorias ou os nutrientes? O que é mais importante? E qual a diferença?


Ficar preocupado em olhar rótulos para ver quantas calorias determinado alimento tem, não é a escolha certa. O que temos que ingerir não são calorias e sim nutrientes que favorecerão o metabolismo do organismo. Escolher um suco de fruta ao invés de um refrigerante (ZERO) com certeza terá mais calorias, porém em contra partida fornecerá inúmeros nutrientes necessários até mesmo para o organismo queimar as gordurinhas existentes. Quanto mais natural os alimentos mais ricos serão em nutrientes, um exemplo é o abacate, alimento riquissimo em diversos nutrientes que acelera o metabolismo e a sua gordura por ser insaturada é benéfica para o organismo.

Observe a tabela:

* Altos níveis de sódio, causam inchaço.
* A presença de vitaminas e mineirais na nossa alimentação, aumenta o nosso metabolismo e favorece um bom funcionamento.

7 comentários:

  1. Adorei a postagem...é isso mesmo, devemos interpretar corretamente os rótulos dos alimentos, nos preocupando com os nutrientes, não apenas com Kcal vazias! bjs

    ResponderExcluir
  2. Isso mesmo, gata! Qualidade e não só quantidade!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi, estou te seguindo agora, já não era sem tempo né! beijos!

    ResponderExcluir
  4. Olá Laila, gostei muito do seu blog, e gostei mais ainda de saber que você faz Gastronomia também, porque estou indo para o 2º período de Nutrição, na UERJ e quero fazer Gastronomia também, mais uma vez, parabéns pelo blog.
    Bjos, Izabela Alves Gomes
    izabela.nutricao@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Olá Laila,

    Se não te importas aproveito este teu artigo para ver se as pessoas vêem as coisas por uma perspectiva diferente.
    Ora bem, é claro que infelizmente nem todos podem comprar ou até mesmo fazer sumos naturais com frequência.
    Mas vejamos algo: como sou português irei usar o Euro, pois não também não sei o preço das coisas aí.
    No supermercado pode-se adquirir um litro de sumo natural (não é a partir de concentrado) por cerca de 3,5 Euros.
    É certo que custa um pouco, mas comparemos.
    Um refrigerante - não vou falar nos néctares porque é algo diferente - poderá custar 1 Euro, por exemplo, ou seja o sumo natural é 3,5 vezes mais caro; será ?
    Um refrigerante terá muitas vezes menos de 5% de sumo (regra geral a partir de concentrado) e uma grande quantidade de açúcar ( eu pessoalmente não gosto de beber ou de comer coisas com substitutos do açúcar, por isso para mim os "zero" não contam).
    Então estamos a pagar practicamente 1 Euro por água.
    Juntando este facto à grande diferença para a saúde entre beber um sumo natural e um refrigerante, façam as contas sobre qual o mais caro, nomeadamente em termos de saúde (eventuais gastos) no futuro.

    Cumprimentos,

    José

    ResponderExcluir
  7. Oi! Adorei o blog! Parabéns!
    Acabei de montar o meu e gostaria que vc desse uma olhadinha.
    É o www.couvertcortesia.blogspot.com.
    Um beijo

    ResponderExcluir